LIVROS

Alguns títulos:

 

A boca da mata (representativo-Redenção)

Abstrações do Desejo

A casa de nossas vivendas

Aceitação de jardim

A celebração do caos

A crucificação da memória

      A esperança se desmanchando de cinza nas horas compridas do dia

      A ferro e fogo

Águas de contemplação

Andanças e paranças

Arcas & Caracóis- Alçaduras de vidas

A reverberação do caos na semiótica vivencial

A rude linguagem do ofício

A suprema indecência humana

A vestidura da voz

Cântaros de cinzas mortas – de trevas, de luz, de escuridão

Canteiros & promessas

Canto de rebeldia

Cantos cauãs

Caput Morttum (fados, fardos e fatos)

Carambolas, capitanias & hereditariedades

Catálogos do amanhecer

Como lâmpada para a escuridão

Cor(po)

Cristal sob o chão (a saga de Teodora F. Soares)

De berço & de alma

De correntes, de chicotes & de porões

De peito aberto

De sândalos, lagartos e escorpiões

Do mangue escuro para a escuridão da noite

Dos socovões da alma

Encouraçamento de dor

Envelhece melhor quem não nasceu para amar (segredos desavergonhadamente revelados)

Gestos recolhidos para o amanhã

Instante eterno

Lírios idiomáticos e sementes cadavéricas

Massa visceral

Memórias ao quaradouro

Moendas da vida

Na ribanceira da alma

No alguidar das horas uma girândola de vivências

No sombrear do tempo uma palpitação de existir

O brejo de Maria

O colecionador de relíquias

O craveiro do tempo e suas louvações de mistério

O embrião e a configuração do mistério

O esmeril afiando o facão

O grão

O Homem e o rio

Olhar estrangeiro

O íntimo das coisas

O meu respiro suave sobre o teu peito nu

O rapto da rosas

O rendilhar dos afetos

O silencio se vestindo de brisa

O sol descortinando o olhar nas brechas do barro da parede frontal

O tempo é uma casa de muitos cómodos

Pedaços do caminho

Pedaços de Mim

Penduricalhos da vida

Plausíveis & Plurais

Poemas em forma de unguento

Proezas de um instante

Ratos, vermes & homens

Relicário de intrigas

Ritos de intransigências

Semiologia outonal

Silenciosos rios de minha vida

Sina apátrida

Sobre o colo da noite uma retórica de supressão

Sol conflitante

Sombras

Uma gota de loucura em minha mão (epigênese e deslumbramento)

Útero de pedra

Versos vazios

Vínculos de afeto

Zamburá tantã

 

Anúncios

POETA E ESCRITOR